Massa assume culpa e se diz zangado por erro na curva 1



  • o brasileiro felipe massa começou o gp do canadá dando mostras de que conseguiria um grande resultado. logo na segunda volta, ainda sem asa móvel liberada, ele conseguiu a quinta posição de nico rosberg na pista e ia pra cima de mark webber quando um erro na curva 1 o jogou para o 12º posto e acabou com suas expectativas.

    felipe ainda ensaiou uma boa corrida de recuperação, mostrando sempre um bom ritmo, mas seus pneus se desgastaram no final da prova pois a ferrari, assim como fez com o espanhol fernando alonso, que brigava pela vitória, retardou sua parada nos boxes. mas massa assume a maior parte da culpa e se diz chateado consigo mesmo. restou para ele a décima posição.

    “eu estou zangado comigo mesmo pelo erro na curva 1, onde acabei perdendo contato com o grupo e, em seguida, meus pneus acabaram vibrando muito, adiantando minha ida aos boxes e me fazendo tentar esticar a janela seguinte”, lamentou o brasileiro. “infelizmente no final eu tive de parar novamente e talvez a antecipação dessa parada me tivesse permitido ficar à frente de kobayashi, o que não mudaria minha decepção, pois mostrei que estava competitivo com relação a nossos principais rivais”.

    massa lamenta sua posição final hoje no gp do canadá muito porque ficou claro que ele poderia ter conseguido um resultado muito melhor. ele lembrou que desde sexta-feira está brigando pelas primeiras posições e que houve melhoras em praticamente todas as áreas.

    “o décimo lugar definitivamente não reflete no nosso potencial”, ressaltou. “agora é vital que continue a trabalhar nesse sentido. foi um fim de semana em que estivemos sempre lutando pelos primeiros lugares e melhoramos em todas as áreas, o que deve ser um impulso de confiança para o resto da temporada”.



  • se ele está zangado, imagina o chefe dele.