Kovalainen com futuro incerto



  • diferentemente de muitos, heikki kovalainen não está muito otimista em continuar como piloto titular na fórmula 1 2013. o finlandês é um daqueles que recebe salário e está na caterham desde 2010 e seu posto, até o momento, foi pouco especulado.a demora no anúncio da dupla de pilotos do time anglo-malaio para a próxima temporada, fez o finlandês admitir que corre riscos de deixar a equipe - e até mesmo a categoria - já que não se mostra muito interessado em correr atrás de patrocinador.- não estou estressado com isso - admitiu kovalainen resignado - é o que é. se é por causa da última corrida, é uma pena, mas a situação é bastante difícil pra mim e não há muito mais que eu possa fazer."se é isso que vai ser, então será assim. estou totalmente focado neste fim de semana e na tentativa de obter o melhor resultado para a equipe. quem sabe o que vai acontecer, mas pela minha experiência, nunca é bom quando é assim tão tarde na temporada e as coisas não foram decididas."heikki quer ajudar a caterham a assegurar o 10º lugar no mundial de construtores. para isso, precisa de um 12º lugar em interlagos e tirar a marussia dessa posição. uma tarefa nada fácil com o carro que tem mãos. a menos, que a última prova do ano seja bem atípica."não será o fim, o quer que aconteça. eu tenho uma vida. eu não me matarei. é claro que estamos olhando para as opções, fora da f1 também, mas também dentro da f1", garantiu o ex-piloto de renault e mclaren.kovalainen afirmou ainda que já foi indagado para levar dinheiro (para a equipe) caso quisesse continuar correndo na categoria principal do automobilismo mundial."mas até as outras opções requerem algum dinheiro e eu não quero seguir por este caminho. já falei para meu empresário para não buscar dinheiro. eu acho que não leva a nada.""se você tem um grande apoio por trás como o santander, que vai com você para uma equipe, é algo diferente. mas coletar dinheiro por uma temporada não resolve nada", finalizou.