Button ganha posição na largada e vence agitado gp da austrália. brasileiros abandonam



  • o inglês jenson button da mclaren conquistou a liderança do gp da austrália logo na largada e não a perdeu mais até o fim da prova. com isso ele conquistou a vitória na primeira corrida da temporada mostrando um excelente ritmo de corrida de seu carro. em segundo lugar ficou o alemão sebastian vettel, que conquistou a posição quando o safety car esteve na pista e deixou hamilton para terceiro. webber foi o quarto, o que mostra que o campeonato tem duas equipes mostrando muita força. a corrida foi muito movimentada, não só entre os líderes como também em todos os pelotões. trocas de posição foram vistas o tempo todo, escapadas de pista, abandonos e acidentes, como o do venezuelano pastor maldonado, na última volta, quando era o sexto colocado e pressionava com força o espanhol fernando alonso. maldonado bateu de frente no muro após colocar duas rodas na grama e os destroços de seu carro atrapalharam alguns pilotos que vinham atrás, misturando posições. além de button, fecharam os dez primeiros vettel, hamilton, webber, alonso, kobayashi, raikkonen, perez, ricciardo e di resta. os dois brasileiros tiveram problemas e, quando brigavam pela 13ª posição, se tocaram e abandonaram juntos na parte final da prova em um momento onde seus companheiros de equipe alonso e maldonado disputavam o quinto posto. a definição da posição de button acontece, como citado, logo na largada, quando ele partiu por dentro e conquistou tranquilamente a posição de seu companheiro de equipe. grosjean, que era o terceiro, caiu para sexto e schumacher subiu para terceiro com vettel em quarto. massa e alonso largaram muito muito e apareceram, ambos, entre os dez primeiros. mesma sorte não teve bruno senna, que foi espremido para fora da pista e, ao voltar, sofreu o toque de um dos carros da toro rosso, sendo obrigado a trocar o bico. ainda na segunda volta grosjean tentou passar maldonado e abandonou. schumacher também foi vítima da primeira prova, tendo um problema com o câmbio e abandonando logo depois de sua primeira parada com um problema no câmbio. alguns pilotos foram premiados com boas estratégias para corrigir más posições de largadas. o caso que mais chamou atenção foi de sergio pérez, da sauber, que chegou em oitavo após largar em 22º parando apenas uma vez nos boxes. antes de seu pit ele chegou a ser o segundo colocado. na 37ª volta o russo vitaly petrov teve problemas com sua caterham e abandonou, deixando o carro na reta dos boxes. com isso o safety car precisou ser acionado duas voltas após hamilton e button fazerem a segunda parada no pit. vettel se aproveitou do carro de segurança na pista e conquistou o segundo posto para não perder mais. 9 carros pararam nos boxes neste momento. o safety car também serviu para que e os retardatários fossem autorizados pela primeira vez a ultrapassarem os líderes e recuperarem uma volta. alguns deles quase se tocaram com pilotos mais rápidos que aqueciam os pneus. algumas brigas continuaram acontecendo após a presença do safety car, com destaque para as disputas entre kobayashi e raikkonen, com direito a ultrapassagem por fora, e posteriormente do trio perez, rosberg, kobayashi, que proporcionaram bons momentos. no 47º giro, massa e senna ultrapassarem vergne, que atrapalhou os dois. quando bruno colocou sua williams por fora para passar massa o piloto da ferrari espalhou o carro e os dois se tocaram. os dois bólidos ficaram presos um no outro por alguns metros e ambos tiveram pneus furados, abandonando algumas voltas depois. as últimas voltas foram um pouco mais tranquilas, com button afastado na liderança e vettel segurando hamilton, que por sua vez se defendia de webber. alonso tinha muitos problemas para segurar maldonado mas o venezuelano acabou batendo na última volta. button assume de cara a liderança do mundial com 25 pontos contra 18 de vettel e 15 de hamilton. a próxima prova do mundial acontece na próxima madrugada de sábado para domingo as 4h00 (de brasília) em sepang, na malásia.

Entre para responder