Antes de ipo, três investidores compram parte da f-1



  • nesta terça-feira, o grupo de private equity cvc capital vendeu uma participação de 1,6 bilhão de dólares na fórmula 1 para três investidores. a negociação aconteceu antes da planejada oferta pública inicial de ações (ipo) de 3 bilhões de dólares da companhia em cingapura.

    com o acordo, a cvc detém agora 40% da f-1. antes, ela possuía 63,4%. os investidores que adquiriram a participação são a blackrock,
    a gestora de ativos waddell & reed e a gestora norges bank investment management, unidade do banco central norueguês.

    na última segunda-feira, foi anunciado o início dos preparativos para a oferta pública inicial de ações da f-1, que será de até us$ 3 bilhões. após ter recebido a aprovação da bolsa de valores local para o ipo, a empresa pretende obter pelo menos us$ 2,5 bilhões.

    caso seja concretizado, o negócio será um dos maiores ipos do ano, atrás do facebook, que obteve us$ 18,4 bilhões. um grupo malaio, felda global ventures holding, planeja levantar us$ 3 bilhões.

    a precificação do ipo da f-1 deve ocorrer até o fim de junho. antes disso, a companhia e seus bancos se reunirão com investidores e gestores de fundos para determinar a demanda para a operação.