Vettel diz que proibição de buracos não fizeram diferença para red bull



  • mostrando que se sentiu levemente vingado, o alemão sebastian vettel fez questão de ressaltar, após conquistar a pole position para o gp do canadá, que o carro da red bull não dependia dos furos no assoalho que foram proibidos pela fia essa semana após reclamações de equipes rivais. a red bull teve de trocar o assoalho às pressas por imposição da federação internacional de automobilismo, algo que não afetou o desempenho dos carros de vettel e webber. o bicampeão do mundo lembrou que a red bull foi bem mesmo assim.

    “nós mudamos o carros, tivemos que fechar o buraco e o carro me pareceu funcionar muito bem sem ele”, comentou o alemão. “não seria um buraco no chão que faria toda a diferença. é uma pena o que foi dito sobre nós e nunca tememos pelo nosso desempenho. fomos bem hoje mesmo sem buraco”.

    vettel disse que a corrida enfrentou uma corrida contra o tempo para modificar o carro para este final de semana e admitiu certa surpresa com a diferença entre ele e os carros que ficaram para trás.

    “não havia muito tempo para reagir e tudo dependia do cronograma que seguiríamos. nós estávamos focando em nós mesmos, isso era importante”, lembrou. “na qualificação tentamos tirar o máximo de proveito de cada volta. parecíamos melhorar a cada volta e nos afastando dos carros de trás, o que foi uma grande surpresa. neste pista geralmente é muito difícil abrir grande diferença e é por isso que estou tão feliz”.