Sebastian vettel garante segunda pole do ano no canadá



  • o alemão sebastian vettel da red bull, dono de 14 pole positions na última temporada, garantiu pela segunda vez em 2012 o direito de largar na posição de honra amanhã no grande prêmio do canadá. com a incrível marca de 1'13 784, ele deixou o inglês lewis hamilton na segunda posição, sendo 4 décimos mais rápido que ele. em terceiro lugar ficou o espanhol fernando alonso da ferrari.

    foi uma classificação equilibrada, mas apenas da segunda posição para trás. a briga pela primeira posição, vista desde os treinos livres de ontem, acabou quando o alemão resolveu entrar na pista disposto a fazer os melhores tempos do final de semana. vettel liderou as três partes da qualificação de hoje e não deu chances para ninguém, em uma classificação sem grandes percalços e nenhuma bandeira vermelha, algo comum às sessões no canadá.

    os brasileiros mostraram bom ritmo em momentos isolados. bruno senna será o décimo-sexto, uma posição à frente de seu companheiro pastor maldonado, que por pouco não conseguiu lugar no q3, já que vinha em boa volta mas acertou o famoso muro dos campeões. felipe massa andou sempre na frente e sempre 3 décimos atrás de alonso. com isso ele garantiu a sexta posição no grid de largada de amanhã após fazer seu melhor qualify na temporada.

    q1

    logo de cara quase todos os pilotos foram para a pista, incluindo os dois brasileiros. lewis hamilton foi o primeiro a fazer a melhor volta, com 1'16 232, logo sendo batido por perez, kobayashi e alonso. felipe massa abortou uma volta em que tinha as melhores parciais e na seguinte logo cometeu um erro, que fez com que perdesse o giro seguinte também. com 8 minutos de classificação apenas o alemão sebastian vettel aparecia relaxando no carro, sem sair para a pista. enquanto isso hamilton e massa se recuperavam na tabela com o segundo e o terceiro tempos.

    faltando 8 minutos schumacher também apareceu para a festa e fez o melhor tempo, mostrando mais uma vez o equilíbrio entre as equipes em montreal. o tempo de schumacher foi batido por sebastian vettel quando ele foi para a pista. já bruno senna, com pneus super macios, conseguiu marcar o sétimo posto. outro que arriscou pneu super macio foi jenson button, o segundo.

    com cronômetro zerado, a briga por passagem no q2 ficou entre vergne e ricciardo, os dois companheiros na toro rosso. mas jean-eric não consegui ufazer melhor que o vigésimo tempo e foi eliminado do qualify. o melhor tempo ficou com o alemão sebastian vettel com 1'14 661 e os eliminados foram kovalainen, petrov, vergne, de la rosa, glock, pic e karthikeyan.

    q2

    com 3 minutos após o cronômetro ser liberado todos os carros já estavam na pista para fazer tempos em uma sessão completamente movimentada e com tráfego intenso para todos em montreal. entre os favoritos o primeiro a marcar a melhor volta foi o alemão nico rosberg, que logo foi batido por hamilton, sendo que vettel logo bateu os dois com 1'14 187, o melhor tempo do final de semana. na primeira tentativa massa foi o sétimo e senna o nono, com alonso em décimo-quinto apenas.

    fernando alonso foi o primeiro piloto a fazer uma segunda tentativa no q2, já usando o pneu super macio. logo em sua primeira volta ele fez o segundo tempo, 2 décimos mais lento que vettel, o líder. alguns pilotos, como hamilton, rosberg e schumacher sequer tentaram novamente, pois já estavam entre os primeiros.

    massa estava fora do q3 no final da sessão e era um dos que brigava para melhorar. sua primeira volta não foi boa e na segunda ele conseguiu apenas a décima posição. atrás dele ainda estavam grosjean e raikkonen e hulkenberg, que o superaram. na última tentativa, a terceira do pneu super macio, ele conseguiu o oitavo tempo. logo ele foi superado mais uma vez por grosjean e seria superado também por pastor maldonado, mas o venezuelano seguiu os rumos de seu companheiro bruno senna e acertou o muro dos campeões. levemente, apenas com a roda traseira, mas o suficiente para perder sua volta.

    com isso passaram para o q3 vettel, o mais rápido e também alonso, hamilton, webber, schumacher, rosberg, grosjean, di resta, massa e button. os eliminados, pela ordem de largada, foram kobayashi, raikkonen, hulkenberg, ricciardo, perez, senna e maldonado.

    q3

    rosberg na primeira tentativa foi mais rápido que button e hamilton, que fora muito lentos. massa fez o melhor tempo na primeira tentativa, mesmo com alonso na pista, que também fez volta ruim. na segunda tentativa de lewis ele bateu o tempo de felipe e vettel mais uma vez bateu os dois, com 1'13 905, o primeiro a andar nessa casa. alonso foi o segundo e webber o quinto. di resta não saiu dos boxes. jenson button, na nona posição, foi o único piloto a não usar o pneu super macio na classificação, por não esperar um grande resultado ele pensou na estratégia de corrida.

    com dois minutos para o fim da classificação os pilotos voltaram para a pista para uma segunda tentativa. nela o alemão sebastian vettel fez a incrível marca de 1'13 784, tempo que lhe garantiu a pole. hamilton confirmou 1'14 087 e o segundo tempo com alonso garantindo também a terceira posição. webber também fez boa volta e segurou o quarto em sua última tentativa, jogando rosberg para quinto e massa para sexto no final.

    foi a segunda pole position de sebastian vettel na atual temporada, onde ele é vice-líder empatado com seu companheiro mark webber com 73 pontos. o grande prêmio do canadá acontece amanhã no circuito gilles villeneuve as 15h00 (de brasília).

    grid de largada - gp do canadá