Renault fluence gt chegará este mês às lojas por r$ 79.370



  • fotos: divulgação

    os caracóis da felicidade estão na moda, principalmente entre os sedãs médios. símbolo máximo do downsizing, o turbo se espalhou por cada vez mais motores e modelos, incluindo aqueles vendidos no brasil. na divisão dos modernos sedãs sobrealimentados, o fiat lineat-jet foi o primeiro, mas acabou ficando pelo caminho. logo depois vieram vw jettatsi e peugeot 408 thp, e a partir deste mês recebem a companhia de outro francês, o renault fluence gt.

    único da categoria a adotar um visual esportivo (com direito a fazer parte da estirpe renault sport), o fluence gt chega equipado com um motor 2.0 16v turbo tce de 180 cv de potência e 30,6 kgfm de torque, vinculados a um câmbio manual de seis marchas e tração dianteira. esse propulsor coloca no bolso o prince 1.6 16v thp do peugeot 408 e chega a superar o 2.0 tfsi do jetta no torque (2,1 kgfm a mais), mas perde em potência (20 cv a menos) e seu câmbio manual não é suficiente para lidar com o dsg da volkswagen.

    entre seus equipamentos de série, o fluence gt vem equipado com seis airbags, esp, faróis de xenônio, teto-solar, rodas de aro 17 exclusivas. além do kit exterior de apêndices aerodinâmicos, o interior possui costuras em cor vermelha e cluster digital igual ao novo fluence europeu, que acabou de receber um face-lift.

    o sedã será vendido em três cores: branco sólido e vermelho ou preto metálicos, com preço sugerido de r$ 79.370. quem optar por uma das cores metálicas terá que pagar mais r$ 1.200. aguardamos uma oportunidade para avaliar o modelo no dia-a-dia e identificar melhor seus atributos.