Dtm: em zandvoort, brasileiro tentar seguir vivo na briga pelo título



  • está chegando a hora da decisão da temporada 2013 do dtm. restando apenas 50 pontos em disputa, somente dois pilotos reúnem condições matemáticas de conquistar o título neste ano. de um lado, o líder do campeonato mike rockenfeller surge como favorito. com 124 pontos, o alemão da audi sport team phoenix pode faturar a taça de campeão durante a nona e penúltima etapa do certame, neste fim de semana (28 e 29) em zandvoort, na holanda. no entanto, o brasileiro augusto farfus jr aparece com ótimo retrospecto, sobretudo nas últimas corridas. em grande fase e muito motivado depois da vitória dominante em oschersleben, o piloto do bmw team rbm está 33 pontos atrás do adversário. ![augusto farfus jr](http://amigosdavelocidade.uol.com.br/wp-content/uploads/2013/09/augustofarfusjr3.jpg) farfus chega para aquela que considera a etapa mais importante do ano até o momento confiante em reduzir a diferença e adiar a decisão do título para o próximo dia 20 de outubro, em hockenheim, onde o brasileiro venceu em maio, na abertura do campeonato. **holanda** – e a primeira batalha decisiva pelo título de 2013 será num circuito bastante tradicional para o dtm. presente no calendário da categoria desde 2001, zandvoort tem 4.307 m de extensão e é bastante técnico, exigindo o máximo das habilidades de cada piloto do grid. no ano passado, a corrida foi bastante caótica por conta da chuva forte na região do autódromo holandês. a vitória ficou com o italiano edoardo mortara, da audi. augusto fez uma grande prova de recuperação ao sair de 20º e cruzar a linha de chegada em nono. neste fim de semana, a corrida tem duração prevista de 44 voltas. para farfus, será crucial terminar a corrida na holanda em uma boa colocação e, fundamentalmente, à frente de rockenfeller, tudo para reduzir ainda mais a diferença para o alemão e chegar em hockenheim em condições de lutar pela taça. “provavelmente será a etapa mais importante do ano para nós porque tudo pode ser decidido lá. então o foco é ainda maior para que a gente possa obter um grande resultado para tentar levar a decisão para hockenheim”, disse o brasileiro. “sabemos o quanto a audi vem sendo competitiva, e na última prova eles mostraram isso, mas creio que zandvoort é uma pista que pode se adaptar bem ao nosso carro, e essa é a nossa esperança. vamos trabalhar muito e lutar para que possamos sair da holanda com bons pontos para tentar diminuir essa diferença para o mike”.

Entre para responder