Hamilton diz que pode ir às baladas e também ganhar corridas



  • ![](http://carxpressmag.com/wp-content/uploads/1449165898_f1-abu-dhabi-gp-2015-lewis-hamilton-mercedes-amg-f1-team.jpg) ## o atual tricampeão disse que o seu estilo de vida atual não interfere no seu desempenho como piloto de f1 lewis hamilton respondeu a ron dennis, chefe da mclaren e ex-patrão, que havia afirmado que não aprovava o estilo de vida do tricampeão fora das pistas. o inglês disse que, neste ano, tentou achar um equilíbrio entre as corridas e a diversão em festas. “para ser honesto, este é o primeiro ano que eu realmente fiz isso. e você sabe o que, eu fui à festas e depois ganhei a corrida. eu fiquei pensando, eu nunca comparecia à festas. eu acho que no último ano eu saí umas três vezes, eu estava muito focado. mas isso é muito extremo”, disse hamilton, à _rádio bbc_. “este ano eu acho que foi uma verdadeira transição para mim. meus amigos diziam ‘ei, você quer ir tomar um drink ou jantar’? e no passado eu diria ‘não, eu preciso treinar’. agora eu me certifico de que vou, mas também faço os treinamentos. você precisa ter o equilíbrio, e este ano foi fantástico”, afirmou. no balanço de 2015, hamilton diz que foi o ano mais vencedor da sua carreira. isso o leva a crer que a estratégia de ritmo de vida pessoal deu certo. ele também revelou que mudou termos do seu contrato para permitir que ele possa fazer coisas que pilotos de f1 normalmente não podem. “eu faço de tudo, wake-board, esqui, skydive, etc. eu tirei a cláusula sobre esportes de risco do meu contrato, mas eu tento praticá-los com um certo cuidado. eu não quero passar por toda a minha carreira na f1 apenas guiando, mas também não quero ver alguém dirigindo o meu carro. preciso ser cuidadoso quando faço coisas, mas eu sou um pouco maluco”, disse. hamilton sugeriu, durante a entrevista, que a sua motivação não era mais a mesma nos gps que se seguiram após a conquista do título mundial. ele deu a entender que este foi um dos fatores que fez com que seu companheiro de equipe, nico rosberg, tivesse desempenho melhor nas últimas provas. “você precisa se comprometer em trabalhar forte, mas certamente você também está num clima ‘meu trabalho está feito, eu queria que a temporada terminasse para sair de férias’. no entanto, você ainda precisa correr e há muita gente na equipe que ainda continua trabalhando, então você precisa ajudá-los”, afirmou.

Entre para responder